CLINONCO - Clínica de Oncologia Médica

Endereço : Av. Nove de Julho. Nº4634/4644 - SP
  Contato : (11) 3068-0808

Febre Amarela – A preocupação do momento

A preocupação do momento é a Febre amarela. A cada temporada de calor, nós brasileiros, nos vemos frente a mais uma doença presente em nossas vidas, e todas elas muito assustadoras.

No verão passado estávamos todos em alerta com a Zica. A bola da vez é outra, mas a preocupação segue sendo da mesma ordem: como devo me proteger? Como proteger aqueles que amo? O que fazer para combater a transmissão?
O vetor em comum de todas essas moléstias é o mesmo: o mosquito, mas para febre amarela existe vacina e sabemos  que ela é o principal meio de prevenção contra febre amarela.

Mas infelizmente não são todas as pessoas que podem toma-la.

Então, o que fazer se estou dentro da população que não pode se vacinar?

Segundo dados do Ministério da saúde:

Quem deverá ter avaliação dos serviços (tanto para receber a dose padrão como para a fracionada)?

  • Idosos;
  • Pessoas que terminaram tratamento de quimioterapia e radioterapia;
  • Pessoas com doenças hematológicas (do sangue), renais e hepáticas;
  • Grávidas;
  • Pessoas em uso de corticoide.

Quem não pode tomar a vacina?

  • Crianças menores de 9 meses de idade;
  • Mulheres amamentando crianças menores de 6 meses de idade;
  • Pessoas com alergia grave ao ovo;
  • Pessoas que vivem com HIV e que tem contagem de células CD4 menor que 350;
  • Pessoas em de tratamento com quimioterapia/ radioterapia;
  • Pessoas portadoras de doenças autoimunes;
  • Pessoas submetidas a tratamento com imunossupressores (que diminuem a defesa do corpo).

Alguma medidas protetivas, aquilo que chamamos de barreira física, devem ser adotadas por aqueles que não poderão tomar a vacina: o uso de repelentes, calças e camisetas de manga longa e de cor clara, não usar
perfumes doces, uso de telas contra mosquitos nos ambientes, manter o ambiente refrigerado e evitar ao máximo  regiões com incidência do vírus.

A prevenção é sempre o melhor caminho.
Cuide-se!
Fonte: http://portalms.saude.gov.br/saude-de-a-z/febre-amarela

Autora: Gabriela Malzyner

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *